10 dicas para se tornar mais consciente

Mas afinal o que significa ser mais consciente?

6a00d8341c630a53ef010535cdbb49970c-800wi

É a noção progressiva do domínio consciente da mente. O desafio é que é necessário consciência para aumentar a consciência. Mas não é preciso preocupar-se muito com isso porque a semente já lá está.
Pense nisso como uma chama que você quer transformar num enorme incêndio. Como se faz isso? Pode usar um combustível. A lista seguinte inclui exemplos de como pode adicionar combustível para a chama da consciência se tornar um inferno feroz de consciência. Bem, a analogia não resulta mas dá para entender a ideia.

Então aqui estão 10 formas de aumentar o seu nível de consciência:

1. Verdade
A verdade aumenta a sua consciência. Falsidade diminui-a.
Em primeiro lugar, aceite a verdade. Tudo o que você tem medo de saber diminui a sua consciência. Subir na balança para ver o seu peso, ter uma longa conversa com sua esposa sobre o estado do seu relacionamento. Olhe a fundo para a sua carreira. Seja qual for o caso, aceite o resultado. Aceite também os seus sentimentos sobre a verdade, goste deles ou não.
Em segundo lugar, dizer a verdade. Se a honestidade é um desafio para si, é porque não está a ser suficientemente honesto consigo mesmo. As mentiras que diz aos outros são sombras das mentiras que diz a si mesmo. Tome nota das áreas em que se sente incapaz de honestidade genuína, e vá a fundo para descobrir o porquê. Vai encontrar uma parte escondida de si mesmo que você não  estava disposto a aceitar. Ninguém mente sobre os aspectos de si mesmo que aceita a 100%.

Eleve a sua consciência descobrindo e eliminando todos os sinais de falsidade na sua vida. Permita que isto seja um processo gradual. À medida que a sua consciência aumenta, a honestidade genuína virá com mais facilidade.
Sim, haverá consequências mas as pessoas com alto nível de consciência sabem que é uma ponte que vale a pena atravessar. Ajustes a curto prazo não são nada comparados com a alegria de viver honestamente e abertamente. É muito mais fácil e menos stressante ser você mesmo e permitir aos outros o mesmo. Algumas pessoas não irão gostar do seu verdadeiro “eu” mas isso é porque estão habituadas a uma versão falsa mas isso importa, a partir do momento em que aprende a gostar de si mesmo.

2. Coragem
A coragem aumenta a sua consciência. Cobardia diminui-a.
Coragem é o guardião entre o crescimento inconsciente e crescimento consciente. Enquanto permanecer no lado inconsciente, a vida vai continuar a trazer-lhe problemas até que decida tomar as redeas da situação. Quando enfrentar o seu medo, ele desaparece, e os problemas transformam-se em oportunidades. Mas quando foge dos seus problemas, o medo aumenta.

Um poderoso princípio orientador a adotar é: “O que eu temo, eu tenho que enfrentar.Quanto mais medo enfrentarmais consciente se torna. À medida que dominar esta lição, a coragem tornar-se-á menos necessária. Quando desenvolver a coragem para enfrentar qualquer medo que a vida lhe traga, vai parar de atrair experiências baseadas no medo. É por isso que a coragem é a linha divisória entre o crescimento inconsciente e crescimento consciente. O domínio da coragem dá-lhe o poder de decidir como vai crescer em vez de ser uma vítima dos caprichos do destino.

3.Compaixão
A compaixão aumenta a sua consciência. Cobardia diminiu-a.
Uma óptima maneira de se tornar mais consciente é procurar sinais de crueldade inconsciente e desconexão na sua vida. Isto pode ser muito difícil de fazer, uma vez que também requer coragem. Nós, naturalmente, resistimos perante a nossa própria crueldade, mas ela está lá à espera de ser descoberta.

A compaixão é a raiz do amor incondicional, um sentimento de conexão com tudo o que existe. Sente-se conectado a si mesmo? E aos outros? E aos animais? E a todas as coisas vivas? A tudo o que existe? Quanto mais desenvolver este respeito, mais consciente se torna.

4.Vontade
A vontade aumenta a sua consciência. Apatia diminui-a.
Quando tem a certeza do que quer, por exemplo, traçando um objectivo, aumenta a sua consciência. A clareza de pensamento foca a sua mente e dá-lhe o poder de pensar e agir de forma inteligente. Pode sentir este efeito quando pensa em algo que realmente quer.
Por outro lado, quando a sua vontade não é clara, a sua consciência fica confusa. Os seus pensamentos não têm foco nem direcção e está apenas a andar em círculos.
Faça um esforço para tornar mais claro aquilo que quer e a sua consciência vai expandir-se.

5. Atenção
A atenção aumenta a sua consciência. Distracção diminui-a.
Melhorar a sua capacidade de concentração vai torná-lo mais consciente. Pegue numa pedra, dê-lhe toda a sua atenção e observe o que acontece.
Mas permitir que a sua mente esteja cheia de distracções vai afundar a sua consciência. Uma mente distraída é uma mente impotente.
A meditação é uma óptima maneira de praticar a atenção e concentração. Sente-se calmamente, respire profundamente, foque a sua mente e faça o possível para afastar pensamentos perturbadores. Isto é simples de aprender, mas pode levar uma vida inteira para dominar.

6.Conhecimento
O conhecimento aumenta a sua consciência. Ignorância diminui-a.
Em primeiro lugar, conheça-se a si mesmo. Pense profundamente sobre a sua vida, mantenha um diário para registar os seus pensamentos. Faça perguntas par as quais não tem respostas e em seguida procure essas respostas.
Olhe à sua volta e absorva conhecimento como uma esponja. Interaja com o meio que o rodeia com um sentido de curiosidade de admiração. Estude-o. Aprenda com ele. Experimente.
Esforce-se por compreender a realidade, incluindo o seu papel nela, com a maior precisão possível. Quanto mais precisas forem as suas crenças sobre a realidade mais consciente você se torna.

7.Razão
A razão aumenta a sua consciência. Irracionalidade diminui-a.
A lógica é uma ferramenta poderosa da consciência, quando utilizada correctamente. Ela dá estrutura e substância ao pensamento.

No entanto, o grande desafio de lógica é a prevenção de falsas premissas. Um única premissa falsa pode deitar fora uma vida inteira de conclusões lógicas. Então desafie todas as suas crenças, e nunca tenha muitas certezas sobre as que são feitas nas nuvens.

8.Pessoas conscientes
Pessoas conscientes elevam a sua consciência. Pessoas inconscientes diminuem-na.
Procure pessoas que lhe pareçam estar num nível de consciência mais elevado que o seu. Converse, faça perguntas e aprecie a sua presença. Permita que as suas ideias e consciência o contaminem e verá expandir a sua consciência em todos os sentidos. Vai tornar-se mais honesto, mais compassivo, mais corajoso e assim por diante.
Esforce-se por encontrar um equilíbrio entre passar tempo com pessoas que elevam a sua consciência e aquelas pessoas que não pode evitar. Aprenda com aqueles que são um pouco mais conscientes e ajude os que são menos conscientes. Desta forma, vai servir um bem maior, expandindo a sua consciência em todos os sentidos.

9.Energia
Energia aumenta a sua consciência. Doença diminui-a.
Tome conta do seu corpo físico, já que ele é a sua primeira forma de interagir com o mundo. Ter energia traz-lhe um fluir constante de experiências de vida vitais. Mas sem energia, a consciência morre de fome.
Alimente-se com a a consciência daquilo que está a consumir. Exercite-se com a consciência de como isso afecta o seu corpo e mente. Antes de colocar o que quer que seja no seu corpo, considere o seu efeito em termos de energia, não só a curto como também a longo prazo. Pergunte sempre a si mesmo: “Isto vai produzir energia ou doença?”

10.Intenção
A intenção de aumentar a sua consciência, aumenta-a. A intenção de diminuir a sua consciência, diminui-a.
A consciência tem a capacidade de se auto expandir ou de se auto contrair, assim como você tem a capacidade de crescer ou de cometer suicídio. Em qualquer momento, você tem essa capacidade de escolha.
Ao manifestar a genuína  intenção (ou oferecendo uma oração), Tenho a intenção de me tornar mais consciente“, você vai iniciar a expansão da sua consciência. Agarrar-se à  intenção de melhorar em qualquer uma das nove áreas anteriores irá produzir um efeito semelhante.

Como alternativa, você é perfeitamente livre para reduzir sua consciência a qualquer momento. Embora seja improvável que escolha fazê-lo directamente, pode conseguir o mesmo efeito indirectamente, diminuindo seu desempenho em qualquer uma das nove áreas anteriores. Ao escolher a mentira, ao sucumbir ao medo, ao cometer actos de crueldade, ao permanecer na ignorância, e assim por diante, você liberta a intenção de diminuir a sua consciência. E ao fazê-lo, inicia um processo que vai atrair mais falsidade, medo, crueldade, ignorância, etc na sua vida.
Cada pensamento serve para expandir ou contrair a sua consciência, por isso escolha de forma sensata.
Artigo extraído do site Truth Theory
Steve Pavlina, autor do blog stevepavlina.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: